A Madifoz é uma das primeiras empresas do seu setor a obter a Certificação das suas urnas, de acordo com os requisitos da ET.CNUF.01:2016. Estes requisitos, decorrentes da Norma Portuguesa NP 4474-1:2008, são relativos à Tipologia e Caraterísticas das Urnas Funerárias.

Urna Certificada CNUF

© Madifoz, Fábrica de Urnas Paionense, Lda. - Madifoz ®  é uma marca registada - Página actualizada em abril de 2018 Centro de Arbitragem do Setor da Madeira e Mobiliário - AIMMP - Associação das Indústrias da Madeira e Mobiliário de Portugal | Rua Álvares Cabral, N.º281 | Porto 4050-041 | Portugal
Neste momento encontram-se certificadas as seguintes referências: 1CV; 2CV; 1MG; 2MG; 3MG; 1MT; 3FR; C30P; BR50; BR100; CRLE; CRM; CRLX; C8CH; C10CH; C14CH; C18CH; C55CH; C7P; C10P; C47P; C111P; C11TP e 120P. O principal objetivo definido na Norma NP 4474-1:2008 estabele que esta se destina a facilitar a compreensão e comunicação dos vários intervenientes do sector, estabelecendo a tipologia e as características das urnas funerárias. A Norma é aplicável às organizações que pretendam: - estabelecer padrões uniformes e abrangentes; - implementar o fabrico e utilização das urnas ecológicas; - melhorar e optimizar o seu desempenho. A referida norma evidencia o compromisso das empresas do sector, relativamente a práticas que protejam o meio ambiente e extensíveis às diversas vertentes do seu funcionamento, possibilitará terem um papel determinante na construção de um futuro sustentável e correctamente ecológico. Assim, tornou-se uma preocupação para os intervenientes do sector, atingir e demonstrar um desempenho ambiental sólido através do controle dos impactes da sua actividade no ambiente, designadamente na contaminação dos solos e dos lençóis freáticos em consequência da cada vez maior saturação dos solos cemiteriais devido aos materiais utilizados na inumação. “As urnas funerárias de qualidade certificada ostentam, como prova de realização do controlo da qualidade, a marca “CNUF – Urna Certificada”. A aplicação e utilização desta marca de qualidade apenas são permitidas para as empresas autorizadas. O uso ilegal ou a falsificação da marca serão alvo de penalização.” in regras básicas de utilização da marca cnuf.
© Madifoz, Lda.
A Madifoz é uma das primeiras empresas do seu setor a obter a Certificação das suas urnas, de acordo com os requisitos da ET.CNUF.01:2016. Estes requisitos, decorrentes da Norma Portuguesa NP 4474-1:2008, são relativos à Tipologia e Caraterísticas das Urnas Funerárias.

Urna Certificada CNUF

Neste momento encontram-se certificadas as seguintes referências: 1CV; 2CV; 1MG; 2MG; 3MG; 1MT; 3FR; C30P; BR50; BR100; CRLE; CRM; CRLX; C8CH; C10CH; C14CH; C18CH; C55CH; C7P; C10P; C47P; C111P; C11TP e 120P. O principal objetivo definido na Norma NP 4474-1:2008 estabele que esta se destina a facilitar a compreensão e comunicação dos vários intervenientes do sector, estabelecendo a tipologia e as características das urnas funerárias. A Norma é aplicável às organizações que pretendam: - estabelecer padrões uniformes e abrangentes; - implementar o fabrico e utilização das urnas ecológicas; - melhorar e optimizar o seu desempenho. A referida norma evidencia o compromisso das empresas do sector, relativamente a práticas que protejam o meio ambiente e extensíveis às diversas vertentes do seu funcionamento, possibilitará terem um papel determinante na construção de um futuro sustentável e correctamente ecológico. Assim, tornou-se uma preocupação para os intervenientes do sector, atingir e demonstrar um desempenho ambiental sólido através do controle dos impactes da sua actividade no ambiente, designadamente na contaminação dos solos e dos lençóis freáticos em consequência da cada vez maior saturação dos solos cemiteriais devido aos materiais utilizados na inumação. “As urnas funerárias de qualidade certificada ostentam, como prova de realização do controlo da qualidade, a marca “CNUF – Urna Certificada”. A aplicação e utilização desta marca de qualidade apenas são permitidas para as empresas autorizadas. O uso ilegal ou a falsificação da marca serão alvo de penalização.” in regras básicas de utilização da marca cnuf.